Atedimento ao cliente

Franqueado e franqueador devem atuar em parceria para o sucesso do negócio

Quando falamos em franquias temos dois personagens fundamentais no processo, o franqueado e o franqueador.

Enquanto o franqueador é o responsável pela rede, pela marca, pela franquia em si, o franqueado é o investidor que adquire uma unidade, a licença para explorar o negócio.

Para que a relação entre franqueado e franqueador obtenha sucesso, e seja boa para ambos, é preciso estar atento para todos os detalhes da negociação, e atuar em parceria.

Ao optar por empreender através de uma franquia, esteja atento ao segmento. É importante que você o conheça, se identifique com ele e busque o aprimoramento.

Depois de dado esse primeiro passo, é hora de buscar no mercado uma opção dentro do segmento escolhido.

Um futuro franqueado deve avaliar os negócios, o histórico de outras unidades, a seriedade da marca e até mesmo a idoneidade do franqueador.
FRANQUIA HOME OFFICE: UMA NOVA OPORTUNIDADE DE EMPREENDER E GERAR RENDA

Enquanto franqueado, você irá investir tempo, dinheiro e muitas obrigações no negócio, então é importante saber que ele está devidamente embasado e regularizado.

A atividade de franquias é regulamentada no Brasil, através da lei 8.955/94.

Franquias sérias, com franqueador que zela por seu nome, também irão fazer uma série de pesquisar de viabilidade, junto à proposta apresentada pelo possível franqueado.

Marcas reconhecidas e estruturadas não têm interesse em apenas em vender, elas precisam que o negócio prospere, porque essa será sua melhor propaganda para a venda de outras unidades.

Então, se você pensa em ser um franqueado fique atento para as regras impostas pelo franqueador. É importante que o processo de negócio seja facilitado, mas se as regras não forem claras, ou muito superficiais, desconfie.

Lembrando que a regra do bom negócio é clara: precisa ser bom para o franqueado e para o franqueador, e pessoas idôneas sabem disso e respeitam as normas.

Franqueador

É chamado de franqueador o empresário que consta como pessoa jurídica, e detém os direitos sobre uma determinada marca ou patente.

A partir disso, ele sede a terceiros, os franqueados, o direito de explorar determina marca, diante de um acordo comercial.

O franqueador comercializa um sistema que já foi desenvolvido, testado e que apresenta um bom resultado, sendo viável para ser explorado em outros locais para gerar lucro.

Por ter criado determinado modelo de negócio, o franqueador é a pessoa que melhor o conhece, pois sabe todos os erros que cometeu durante o processo, e que tiveram que ser sanados, para se tornar algo promissor.

Por isso, se você pensa em se tornar um franqueado, antes de fechar negócio converse diretamente com o franqueador, ou com alguém da equipe que possa esclarecer todas as suas dúvidas.

É fundamental que o franqueador apresente um contrato claro, onde estejam explicitas todas as regras do negócio, com os direitos e deveres das partes envolvidas.

Essa é uma segurança que irá evitar futuros problemas ao franqueador, e também ao franqueado, afinal, o combinado não sai caro, especialmente se ele for devidamente embasado e legalizado.

Franqueado

O franqueado é o empreendedor que visa investir em uma franquia, por acreditar que negócios já testados têm uma chance maior de gerar bons resultados.

Ele irá explorar uma marca, diante do pagamento de uma taxa, e seguindo regras que são negociadas e registradas em contrato, feito junto ao franqueador.

Para que o empreendimento atinja bons resultados, é fundamental que aja sinergia e comprometimento entre franqueado e franqueador.

Para se tornar um franqueado, em geral, a pessoa passa por um processo de aprovação, pois é importante entender se ele está apto a operar determinado negócio.

Caberá ao franqueado manter o negócio em crescente evolução, pois promover a marca e fomentá-la irá ajudar que toda rede cresça, se fortaleça e ganhe junto.

É interesse dos franqueados e do franqueador, que a marca se solidifique, e fique conhecida pelos bons produtos ou serviços que oferece.

Sendo assim, pensar na satisfação do cliente final, que é o responsável por impulsionar a lucratividade, é uma responsabilidade conjunta de franqueado e franqueador.

Você conhece a Rural Pago?

Está pensando em investir em uma franquia, que tal ser um franqueado da Rural Pago?

A Rural Pago, é uma plataforma tecnológica multinegócios, que conecta clientes à instituições financeiras, administradoras de consórcios, e seguradoras. Assim, o cliente consegue a melhor opção em taxas e prazos, de acordo com a sua necessidade.

O franqueado do Rural Pago tem como objetivo central do seu negócio realizar a venda, dos serviços disponíveis na plataforma, que são seguros, consórcios, créditos rurais e energia solar fotovoltaica, aos profissionais do campo.

Quer saber mais? Acesse o portal ruralpago.com e fale com os nossos especialistas.

Fontes: Rural Pago; Inova Franquias; Cursos CPT; e Encontre sua franquia.

A Rural Pago é uma plataforma tecnológica multinegócios. Nossa missão é levar aos nossos clientes uma vasta gama de produtos e serviços financeiros voltados para facilitar e desburocratizar a vida do produtor rural.

Mapa do site