Atedimento ao cliente

Energia solar: Conheça as vantagens e desvantagens

O Brasil é um país solar, ainda que algumas regiões sejam mais ensolaradas que outras, e isso fez aumentar a procura por energia solar.

Mas será que vale a pena o investimento? Quais as vantagens e desvantagens de investir em energia solar?

Com projetos alinhados às necessidades e particularidades dos consumidores, é possível colocar energia solar fotovoltaica em propriedades rurais, casas, condomínios verticais e horizontais, indústrias, empresas, prédios e espaços público, e ter bons resultados.

É uma solução sustentável, por se tratar de uma energia limpa e que se torna, em médio prazo, mais econômica financeiramente.

Para quem já considera o investimento, mas ainda tem dúvidas, e também para os que ainda não pensam em implantar, mas querem saber mais sobre a energia solar fotovoltaica, separamos várias vantagens e desvantagens desse sistema.

A Rural Pago é uma plataforma tecnológica multinegócios que oferece a oportunidade de você conhecer melhor e investir em energia solar fotovoltaica.

Além das vantagens e desvantagens que listamos abaixo, se houver outras dúvidas sobre o tema, basta fazer contato com a nossa equipe técnica, e esclarecer outras questões. Acesse ruralpago.com/energia-solar

Vantagens

Renovável e limpa – a energia solar traz essa vantagem imensa de causar danos bem menores à saúde do Planeta.

Quando dizemos que é renovável, é interessante ressaltar que o calor do sol, segundo a ciência, deve permanecer ativo por mais alguns bilhões de anos, ou seja, não é algo que pode findar, como acontece com a água que abastece as hidrelétricas.

Quanto a ser limpa, isso se justifica pelo fato de não gerar poluentes na atmosfera.

Ainda que também gere impactos, pois existe toda produção das placas, esses danos são bem menores do que os causados por outras fontes geradoras de energia.

Gratuita – outra vantagem da energia solar é ser gratuita.

Você pode estar dizendo: mas existe o custo de instalação. Sim, é verdade, mas o recurso principal é oferecido gratuitamente, na maior parte do ano, que é o sol.

Instalação facilitada – o tempo de instalação depende da complexidade de cada projeto, mas, em geral, leva pouco tempo.

Em residências estima-se entre dois e três dias, onde, em geral, as placas que captam o sol e o inversor grid-tie podem ser fixados em estruturas que já estão disponíveis nos imóveis.
Energia solar fotovoltaica é limpa, renovável e um excelente investimento

Após serem instalados e testados todos os componentes, é possível configurar o inversor e colocá-lo para funcionar e gerar energia.

Pouca manutenção – os equipamentos que geram a energia solar fotovoltaica trazem outra vantagem, que é precisar de pouca manutenção.

Entre os cuidados necessários está a lavagem dos módulos, que deve ser feita a cada seis meses, pelo próprio consumidor. Mas se a sujeira for apenar pó, a própria chuva se encarrega da limpeza, sem a necessidade de intervenção humana.

Já a manutenção elétrica deve ser feita uma vez ao ano, para averiguar o bom funcionamento dos dispositivos de proteção.

Pouco espaço – é uma vantagem saber que para investir em energia solar fotovoltaica não são necessários grandes espaços.

Claro que tudo depende do tamanho do projeto e o será alimentado por ele, mas, em geral, a estrutura do próprio imóvel já é suficiente para a instalação.

Chega a lugares remotos – basta que o sol esteja presente e os equipamentos podem ser instalados e adaptados para a geração de energia solar.

Não é preciso se preocupar com rede próxima e outras questões logísticas e atreladas a grandes geradoras.

Isso faz com que a opção de investir em energia solar fotovoltaica também seja uma vantagem competitiva para abastecer pequenas comunidades, que estão afastadas dos centros urbanos.

Durabilidade e lucratividade – estima-se uma vida útil entre 25 e 30 anos, do sistema, desde que ele passe pelas manutenções necessárias.

Quanto ao retorno do investimento, a média é que ele se pague em seis anos, o que significa mais de 20 anos de lucro, uma vantagem bastante competitiva da energia solar.

Desvantagens

Custo elevado da instalação – uma desvantagem ainda existente para a implantação da energia solar é o custo da instalação, mas isso deve melhorar com a expansão da geração desse tipo de energia, se tornando um mercado mais competitivo.

Lembrando que, mesmo o valor inicial sendo alto, ele se paga com o tempo, inclusive se tornando lucrativo.

Interferência do clima – embora o Brasil tenha sol em abundância, quando ele fica escasso por um período mais longo, o abastecimento pode ser comprometido e isso é uma desvantagem da energia solar.

Em geral, o tempo máximo de armazenamento é de, no máximo, 23 horas, depois disso é preciso gerar mais energia. Mas já existem estudos que auxiliem na ampliação desse armazenamento.

Impactos ambientais – embora seja uma energia limpa, uma desvantagem da energia solar é que ela ainda causa impactos ao meio ambiente, sendo preciso buscar alternativas para minimizá-los.

Uma das questões é que, onde existem usinas solares, há uma grande geração de calor, o que pode matar os pássaros, mas, ao mesmo tempo, eles são atraídos pelos espelhos das placas.

A grande extração de minérios, como o zinco, para a produção das placas, também é uma preocupação ambiental.

Estética do imóvel – algumas pessoas apontam que a instalação de placas em telhados, prejudicam a estética do imóvel.

Imóveis novos, que já tem a instalação da energia solar programada, conseguem ser projetados para isso, e escapar de qualquer desvantagem estética.

Lembre-se da importância de fazer um projeto adequado às suas necessidades. Na hora de investir em energia solar fotovoltaica, escolha uma empresa idônea, com equipe altamente capacitada, para a execução dos trabalhos.

Fontes: Rural Pago; BlueSol; Mundo Educação; Brasil Escola; e Portal Energia.

A Rural Pago é uma plataforma tecnológica multinegócios. Nossa missão é levar aos nossos clientes uma vasta gama de produtos e serviços financeiros voltados para facilitar e desburocratizar a vida do produtor rural.

Mapa do site